Roadtrip USA West Coast – parte I

No ano passado fiz uma viagem que se transformou na viagem da minha vida (até ao momento). Foi tudo o que sempre sonhei, correspondeu totalmente às expectativas e quero um dia repeti-la (aproximadamente).

 

Essa viagem foi nada mais, nada menos do que uma roadtrip de 3 semanas na Califórnia e arredores. Foram 21 dias de viagem, 2625 milhas a conduzir e uma série de locais encantadores (uns mais do que outros mas todos valeram a pena).

 

Tudo começou com o planeamento e para isso muito ajudou o site roadtrippers.com. Aconselho este site a todas as pessoas que estejam a planear uma roadtrip nos Estados Unidos. Este site permite definir o percurso, incluindo todas as paragens, especificar em que dia vamos fazer cada troço da viagem, dá-nos uma estimativa das distâncias percorridas e de quanto iremos gastar em combustível e ainda permite pesquisar locais de interesse próxima da nossa rota, incluindo restaurantes, hoteis, parques de campismo, monumentos, entre outras coisas (permite ainda, dentro destas pesquisas, definir quanto nos queremos desviar da nossa rota). Enfim, é um site fantástico e extremamente útil. Já agora, fica a imagem da nossa rota, retirada deste site:

 

 

Resumindo: LA – (Long Beach) – Laguna Beach – (Oceanside) – San Diego – Phoenix – (Sedona) – Grand Canyon – Las Vegas – (Death Valley) – Mammoth Lakes – Yosemite – San Francisco – Monterey- (Big Sur) – Lompoc – (Santa Barbara) – LA
(entre parêntesis os locais onde estivemos de passagem, os restantes foram onde ficámos a dormir)

 

Alguns detalhes relativamente a esta viagem. Em primeiro lugar, fomos em Junho, época alta (principalmente nos Estados Unidos, onde as férias do verão começam e acabam um pouco mais cedo do que cá), por isso fomos com as estadias para todas as noites totalmente reservadas. Por um lado, tive medo que por ser verão já estivesse tudo cheio se deixássemos coisas para reservar na hora. Além disso, sinceramente não queria estar a preocupar-me com ainda ter de encontrar um sítio para ficar a dormir quando chegasse a determinada cidade. Foi tudo bem mais confortável. E correu tudo lindamente, não tivemos nenhum imprevisto, nenhuma reserva falhou, foi uma viagem com absolutamente zero percalços. A única coisa que ainda não estava marcada foi a segunda noite no Grand Canyon, no parque de campismo Bright Angel, porque a permissão tem de ser obtida com cerca de 6 meses de antecedência (que deixei passar) ou então na véspera se ainda houver vagas (felizmente conseguimos). Mas tínhamos outro parque reservado para essa noite para o caso de não conseguirmos. É verdade, sim, acampámos durante esta viagem. Este é outro pormenor: levámos a nossa tenda numa das nossas malas (sim, somos malucos) e lá comprámos sacos cama e colchonetes (tal como outras coisas para acampar, como papel higiénico, enlatados, talheres de plástico – mas não dos descartáveis, canivete, barras energéticas e de proteína). Fomos ao Walmart e foi tudo muito barato.

 

Dia 0 – Lisboa – LA
Voámos para LA numa quinta-feira e chegámos já bem tarde. Reservámos um hotel próximo do aeroporto nessa noite para na manhã seguinte voltarmos cedo para levantar o carro.

 

Dia 1 – LA – Long Beach – Laguna Beach
No primeiro dia fomos então levantar o carro que já tínhamos reservado online e fizemo-nos à estrada. Decidimos deixar LA para o fim, para prevenir que algo acontecesse durante a viagem e não chegássemos a tempo do voo de regresso, por isso saímos logo da cidade e começámos a fazer a Highway 1 em direção ao Sul. Tínhamos a primeira noite reservada em Laguna Beach, mas a ideia era irmos parando em vários pontos ao longo da costa e ver as pequenas cidades costeiras e praias. Almoçámos em Long Beach. Adorei fazer esta parte da costa, as cidades que fomos encontrando pelo caminho eram absolutamente encantadoras. Não estava tempo de praia, com bastante vento e algumas nuvens, mas a ideia também não era essa.

 

 

Dia 2 – Laguna Beach – Oceanside – San Diego
No segundo dia passámos a manhã em Laguna Beach e durante a tarde o esquema foi o mesmo que no dia anterior, em direção a San Diego. Gostámos muito de Laguna Beach e não nos importávamos nada de regressar para uma estadia mais longa. Na chegada a San Diego parámos logo em La Jolla, uma zona muito interessante e cheia de lontras (o cheiro não é muito agradável, mas aguenta-se bem). Depois fomos deixar as malas no hotel e jantámos num restaurante mexicano na Old Town de San Diego.

 

 

Dia 3 – San Diego
O terceiro dia foi passado inteiramente em San Diego. Eu já conhecia alguma coisa porque tinha estado lá no ano anterior para um congresso mas gostei muito de regressar. Passámos a maior parte do dia no Balboa Park, onde provámos shaved ice, assistimos a um concerto de órgão (têm um dos maiores órgãos do mundo ao ar livre), e passeámos no jardim japonês. Ao final do dia fomos passear até Ocean Beach e jantámos por lá os melhores fish tacos da America (dizem) e as melhores onion rings da viagem!

 

 

Dia 4 – San Diego – Phoenix
Na manhã seguinte ainda ficámos por San Diego, passeámos pela zona da marina e ao final da manhã fomos ao Walmart fazer compras para os dias seguintes (incluindo equipamento para acampar). Ao início da tarde partimos para Pheonix – 6 horas de viagem e 350 milhas – onde estavam 40 ºC quando chegámos. Este foi o primeiro troço mais extenso que fizemos e eu adorei! Muitas pessoas não se apercebem mas os Estados Unidos têm paisagens impressionantes. Têm muitas cidades altamente populadas mas separadas por longas extensões sem vivalma, em certas zonas desérticas e noutras muito vegetadas. É impressionante. Parámos em Phoenix só para ficarmos a dormir nessa noite e jantámos uma maravilhosa sanduiche de pulled pork com cole slaw a acompanhar.

 

 

Na segunda parte vou falar dos dias 5 a 9, incluindo Sedona, Grand Canyon e Las Vegas

Leave a Reply